Yvone Kane e as representações do passado africano

  • Alexsandro de Sousa e Silva Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, 05508-010, São Paulo
Palavras-chave: Cinema, Angola, Moçambique, Guiné-Bissau, Identidade, Imaginário social, Política

Resumo

Recensão crítica da programação de cinema Mostra África(s). Cinema e revolução: as independências de Angola, Guiné-Bissau e Moçambique, em filmes de luta e memória (Caixa Belas Artes, São Paulo, 10 a 23 de novembro de 2016).

Biografia Autor

Alexsandro de Sousa e Silva, Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, 05508-010, São Paulo
Bacharel e Licenciado em História (2011) e Mestre em História Social (2015) pela Universidade de São Paulo. Pesquisador das relações entre Cinema e História na América Latina e na África de Língua Portuguesa.
Publicado
2017-05-27
Secção
Exposições e festivais de cinema